Menu Content/Inhalt
Pré-escolar: Preparação para a escola
 
Início do ano lectivo: livros sem aumentos significativos

A Associação Portuguesa de Editores e Livreiros anunciou ontem que os preços dos livros escolares dos ensinos Básico e Secundário não aumentam significativamente em relação ao ano passado e garante que o abastecimento do mercado decorre "sem problemas".

Em comunicado, a Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL), através da sua Comissão do Livro Escolar, faz saber que não há um aumento "significativo", comparativamente a 2009, no valor dos manuais escolares necessários para os ensinos Básico e Secundário.

"Enquanto que os livros para o Ensino Básico - do 1.º ao 9.º ano de escolaridade - têm um aumento de apenas 0,5%, as edições para o Ensino Secundário - do 10.º ao 12.º ano de escolaridade - apresentam mesmo uma ligeira descida de preço que se situa nos 0,6%, tendo já em conta o aumento do IVA de 5% para 6% que ocorreu a 1 de Julho passado", explica a APEL.

Por outro lado, segundo a Associação, "o abastecimento do mercado escolar está a decorrer sem problemas".

"A três semanas do início do ano lectivo 2010/2011, a esmagadora maioria dos livros está disponível para fornecimento às livrarias", lê-se no comunicado.

A APEL aproveita ainda para aconselhar as famílias a encomendarem os livros com alguma antecedência, "por forma a evitar constrangimentos de última hora".

Fonte: Educare

 
< Anterior   Próximo >